Leituras de fim de semana


As Delícias de Ella é o meu livro sugerido para as leituras deste fim de semana. Um dos meus presentes de Natal que tenho estado a deliciar-me a experimentar. Para quem ainda não a conhece ou ouviu falar, Ella Woodward é a autora de um dos blog ingleses sobre receitas e alimentação saudável mais conhecidos da actualidade. E cujo o livro reflecte a sua filosofia de uma dieta com base em alimentos vegetais benéficos para o nosso organismo e que nos ajudam a sentir-nos muito melhor. As-Delícias-de-Ella Este livro está cheio de receitas simples e fáceis de fazer. Receitas sem a adição de carne, peixe, alimentos e açucares processados, glúten e lacticínios que nem acreditamos que possam ser assim tão apetitosas. Contém imensas dicas e ideias para cozinhar os legumes de uma forma saborosa e incluí-los em todas as nossas refeições e doces. E apresenta receitas de bolos e sobremesas que são deliciosas, naturais e se conseguem fazer sem a necessidade de utilizar o açúcar ou outros alimentos refinados.

Acho que é uma boa alternativa para quem procura uma alimentação mais natural e saudável.Principalmente para quem tem intolerâncias alimentares ou problemas digestivos. Embora para quem siga uma dieta pobre em Fodmap tenha de ter algum cuidado a substituir os alimentos ricos em Fodmap. Mesmo para quem não quer seguir uma dieta tão restritiva, este livro tem óptimas sugestões de pequenos almoços, lanches, saladas e doces que podemos incluir no nosso dia-a-dia para uma alimentação mais saudável e cuidada. As-Delícias-de-Ella


Outros artigos interessantes…

Continuando o tema da alimentação saudável, queria ainda partilhar estes dois artigos interessantes que falam sobre os prós e contras do consumo dos adoçantes artificiais e do sal.

No caso dos adoçantes, nomeadamente do Aspartame, partilho este video que fala sobre os seus efeitos controversos no nosso organismo. Estudos recentes indicam que o nosso corpo é incapaz de metabolizar e eliminar algumas das moléculas do aspartame,  as quais por efeito acumulativo acabam por intoxicar o nosso organismo podendo originar dores de cabeça, depressão, aumento de peso, cancro e problemas degenerativos. A verdade é que apesar de serem isentos de calorias, são cada vez mais os estudos que indicam a incapacidade do nosso organismo para suportar o consumo de adoçantes artificiais. Por outro lado, se tivermos em atenção os rótulos dos produtos que ingerimos, quer alimentares como medicamentos, verificamos que estes estão presentes em praticamente todos eles. Podemos dizer que, inconscientemente, estamos a consumir em excesso estes adoçantes e a intoxicar o nosso corpo que deixa de ter a capacidade de eliminar tanta quantidade de toxinas. Vale a pena pensar nisto e reduzir o seu consumo para o nosso próprio bem e dos nossos filhos.

Quanto ao sal, todos nós já fomos alertados dos seus efeitos quando ingerido em excesso, sendo Portugal um dos países com maior taxa de hipertensos e quantidades médias de consumo exageradas. Contudo, este artigo vem demonstrar que o sal é essencial para a nossa sobrevivência. Pois o sódio é um electrólito indispensável para o equilíbrio dos fluidos, a regulação sanguínea e a contracção muscular. Principalmente para as pessoas com uma actividade física intensa, a perda de sódio pela transpiração deve ser reposta de forma a evitar a fraqueza e a fadiga extrema. Mais do que evitar o consumo de sal, devemos antes saber como consumi-lo apenas nas quantidades necessárias para o bem da nossa saúde. Também é importante saber escolher o sal correcto e num país rico em bom sal como o nosso, não existe desculpas para não ingerir um sal puro, natural, sem aditivos e ricos em minerais.

Espero que gostem das minhas sugestões de leitura para este domingo chuvoso!

Boa continuação do vosso fim de semana!

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado.